GasNet - O Site do Gás Natural e GNV    
Distribuição Produção Legislação Termelétricas GD - Geração Distribuída Novas Tecnologias Cursos & Eventos Instituições

Tenha o GasNet no seu celular

Disponível para iPhone na AppStore

Disponível para Android na GooglePlay

 
 
FEIMEC - Feira Internacional de Máquinas e Equipam ...
(24/4/2018 - 28/4/2018)
São Paulo Expo Exhibition and Convention Center - Rod. dos Imigrantes Km 1,5
Informa Exhibitions

 
 
Atena Engenharia Leia as histórias do Netinho (nosso mascote) Acesse a nossa seção e saiba tudo sobre GNV Leia as histórias do Netinho (nosso mascote)
  Geral - Express
  Autor/Fonte: NotiSul/Sindcomb Notícias
  Data: 06/07/2017

    Tarifas de gás natural serão reajustadas no Estado


A Companhia de Gás de Santa Catarina (SCGás) definiu recentemente a atualização do custo do gás e transporte nas tarifas do gás natural. Foi publicada ainda a resolução que aprova a atualização monetária da margem de distribuição que compõe as tarifas aplicadas em Santa Catarina. As duas decisões somadas reajustarão na média as tarifas de gás natural em 8,5% para os consumidores industriais, 10,4% para o mercado comercial, 10,6% para o segmento residencial e 9,8% para o GNV.

A primeira das duas resoluções corresponde à atualização semestral da tarifa, prevista na metodologia de conta gráfica criada pela Aresc em 2016, que começa a ser aplicada no sábado (1º). A segunda resolução define a atualização da margem de distribuição pelo IGP-M no período de agosto de 2015 a maio de 2017, e tem efeito a partir de 22 de julho, 30 dias após a publicação no Diário Oficial.

A margem de distribuição representa o valor que viabiliza a operação da SCGás, os investimentos em novas redes de gasodutos e ligação de consumidores e a remuneração dos acionistas. A conta gráfica é a metodologia regulatória que tem como função atualizar a tarifa do gás natural seguindo a real variação do custo do gás natural importado pela distribuidora. Com o reajuste, a tarifa de gás natural praticada pela SCGás aos postos de combustíveis será de R$ 0,9976/m³ e às residências de R$ 2,5474/m³. Para os demais segmentos – industrial e comercial – as tarifas finais dependem dos volumes consumidos. As tarifas do segmento de geração distribuída criado em dezembro do ano passado não sofreram reajustes. No anexo a SCGás divulga também a tabela com as novas precificações do gás natural por segmento e faixas de consumo.

Os reajustes mais recentes nas tarifas foram as reduções realizadas em janeiro de 2017 e julho de 2016. No ano passado, a diminuição havia sido em média 14%, enquanto esse ano foi de 24%. O próximo reajuste nas tarifas está previsto para janeiro de 2018.

 

Reajuste por segmento

Segmento Reajuste*

 

(custo gás)

01/07/2017

Reajuste**

 

(margem)

22/07/2017

Reajuste

 

Total

Residencial 2,7% 7,7% 10,6%
Comercial 3,5% 6,7% 10,4%
Veicular 6,8% 2,8% 9,8%
Industrial 6,4% 2,0% 8,5%

 

 

 

Compartilhe este texto com seus amigos:
 



  Gasodutos
  Cogeração
  GNC

Informa Group
FEIMEC - Feira Internacional de Máquinas e Equipamentos 2018

  CopyRight © GasNet - 2013