GasNet - O Site do Gás Natural e GNV    
Distribuição Produção Legislação Termelétricas GD - Geração Distribuída Novas Tecnologias Cursos & Eventos Instituições

Tenha o GasNet no seu celular

Disponível para iPhone na AppStore

Disponível para Android na GooglePlay

 
 
FEIMEC - Feira Internacional de Máquinas e Equipam ...
(24/4/2018 - 28/4/2018)
São Paulo Expo Exhibition and Convention Center - Rod. dos Imigrantes Km 1,5
Informa Exhibitions

 
 
Atena Engenharia Leia as histórias do Netinho (nosso mascote) Acesse a nossa seção e saiba tudo sobre GNV Leia as histórias do Netinho (nosso mascote)
  Geral - Reportagens
  Autor/Fonte: PetroNotícias
  Data: 17/07/2017

    China quer que o Gás Natural represente 15% do seu consumo de energia em 2030


 A China publicou um plano para incentivar o uso do gás natural, especialmente nas zonas mais poluídas do norte do país, que deverá representar 15% do consumo energético do país em 2030.  O documento, publicado pela Comissão para a Reforma e Desenvolvimento Chinês, aposta num maior protagonismo do capital privado na expansão da capacidade de gás da China, incluindo projetos de exploração no estrangeiro e de construção de gasodutos.


Em áreas como Pequim, Tianjin e Hebei, gravemente afetadas pela poluição atmosférica, este organismo aposta em trocar o carvão por gás natural para os sistemas de aquecimento no inverno como parte “da limpeza” da região, na qual espera que seja feita a transição para um sistema moderno de energia limpa no prazo de cinco anos. A empresa estatal Sinopec anunciou que, após a descoberta de um depósito de 220 trilhões de metros cúbicos de gás de xisto, o campo de Fulingye, a maior reserva da China, que detém os maiores depósitos do mundo deste tipo de gás,  já atingiu os 600 trilhões de metros cúbicos "in place".

 

Fonte: PetroNotícias (07/07/2017} 

Compartilhe este texto com seus amigos:
 



  Gasodutos
  Cogeração
  GNC

Informa Group
FEIMEC - Feira Internacional de Máquinas e Equipamentos 2018

  CopyRight © GasNet - 2013