GasNet - O Site do Gás Natural e GNV    
Distribuição Produção Legislação Termelétricas GD - Geração Distribuída Novas Tecnologias Cursos & Eventos Instituições

Tenha o GasNet no seu celular

Disponível para iPhone na AppStore

Disponível para Android na GooglePlay

 
 
FEIMEC - Feira Internacional de Máquinas e Equipam ...
(24/4/2018 - 28/4/2018)
São Paulo Expo Exhibition and Convention Center - Rod. dos Imigrantes Km 1,5
Informa Exhibitions

 
 
Atena Engenharia Leia as histórias do Netinho (nosso mascote) Acesse a nossa seção e saiba tudo sobre GNV Leia as histórias do Netinho (nosso mascote)
  Termelétricas - Express
  Autor/Fonte: Agência CanalEnergia
  Data: 03/08/2017

    RS dá largada no licenciamento ambiental da UTE Rio Grande


Caso exigências sejam cumpridas, Licença de Instalação de térmica da Bolognesi pode ser emitida até o fim do ano

O cronograma de liberação da licença ambiental para a Planta de Gaseificação de GNL em Rio Grande foi estabelecido em 14 de julho de 2017, no Palácio Piratini, durante encontro do chefe da Casa Civil, Fábio Branco, com representantes do Grupo Bolognesi, responsável pela implantação da UTE Rio Grande. A secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e diretora-presidente da Fundação Estadual de Proteção Ambiental Ana Pellini, também participou do encontro.

A primeira etapa já acontece em 20 dias, e se toda as exigências legais forem cumpridas, a previsão é que até dezembro de 2017 seja concedida a licença de instalação. A Casa Civil se comprometeu a dar apoio técnico-operacional e celeridade para a tramitação do processo na Fepam.

O terminal de regaseificação terá capacidade para 14 milhões de metros cúbicos por dia, podendo receber dois navios cargueiros por mês, e ficará situado ao lado do terminal da Petrobras. Haverá ainda um navio de estocagem e regaseificação de forma permanente. A estimativa é gerar mil empregos, podendo alcançar 2,5 mil postos de trabalho em períodos de pico, com investimentos de R$ 3,3 bilhões. Serão gerados 1.238 MW, a partir de gás natural, cerca de 30% da energia elétrica do Rio Grande do Sul.

 

 

Em junho de 2015, o projeto foi apresentado ao governador José Ivo Sartori. Na ocasião, Fábio Branco era secretário do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia e representou o governo nas negociações para implantação do empreendimento. De acordo com ele, a planta de gaseificação segue também com o reforço da Casa Civil para avançar nos aspectos legais e de licenciamento, para construir o desenvolvimento da Região Sul do estado.

Compartilhe este texto com seus amigos:
 



  Gasodutos
  Cogeração
  GNC

Informa Group
FEIMEC - Feira Internacional de Máquinas e Equipamentos 2018

  CopyRight © GasNet - 2013