GasNet - O Site do Gás Natural e GNV    
Distribuição Produção Legislação Termelétricas GD - Geração Distribuída Novas Tecnologias Cursos & Eventos Instituições

Tenha o GasNet no seu celular

Disponível para iPhone na AppStore

Disponível para Android na GooglePlay

 
 
FEIMEC - Feira Internacional de Máquinas e Equipam ...
(24/4/2018 - 28/4/2018)
São Paulo Expo Exhibition and Convention Center - Rod. dos Imigrantes Km 1,5
Informa Exhibitions

 
 
Atena Engenharia Leia as histórias do Netinho (nosso mascote) Acesse a nossa seção e saiba tudo sobre GNV Leia as histórias do Netinho (nosso mascote)
  Distribuição - Express
  Autor/Fonte: Ascom Arsal
  Data: 12/09/2017

    Rede de distribuição de gás canalizado passará por inspeção


De 11 de setembro a 10 de outubro de 2017, toda a rede de distribuição de Gás Natural Canalizado do Estado será inspecionada por meio de uma Pesquisa Anual de Vazamento, realizada pela Gás de Alagoas S.A. (Algás) e fiscalizada pelos técnicos da Agência Reguladora de Serviços Públicos (Arsal).

A pesquisa será realizada em todas as áreas atendidas pela rede de distribuição de gás. Serão inspecionadas 40 unidades consumidoras dos segmentos residenciais e comerciais previamente definidas pela Arsal, 27 postos automotivos de Gás Natural Veicular (GNV), 14 indústrias, uma base de compressão, duas unidades de cogeração e 15 estações do sistema de distribuição de gás nos municípios de Maceió, Penedo, Rio Largo, Atalaia, Pilar, Santa Luzia do Norte, Satuba e Marechal Deodoro.

A pesquisa anual de vazamento é um procedimento preventivo estabelecido pela Agência Reguladora com a finalidade de rastrear vazamentos em toda extensão da rede de distribuição de gás natural canalizado em Alagoas.

Segundo Clara Alves, gerente de Gás Natura da Arsal, o trabalho de inspeção em toda a rede contribui para prevenir incidentes, minimizar riscos e garantir a qualidade do fornecimento do produto. Esse é o nono ano da realização da pesquisa.

Durante os procedimentos são utilizados equipamentos específicos para testar todos os pontos de possíveis vazamentos e, caso algum seja identificado, é quantificada a concentração de gás vazado, avaliado o grau de risco e realizado os reparos necessários para eliminar a situação de risco, no prazo máximo de até uma hora.

“Nosso papel como ente regulador e fiscalizador é de monitorar a situação da rede de distribuição e estabelecer ações que contribuam para a segurança, integridade e continuidade operacional do sistema de gás”, disse Marcus Vasconcelos, presidente Arsal.

Ao final do trabalho, um relatório produzido pela Algás será entregue a Arsal, que irá avaliar se todos os procedimentos estabelecidos foram executados corretamente.

Em Alagoas, o sistema de gás canalizado possui 482,10 Km de rede de distribuição e atende 9.324 unidades consumidoras, sendo 32 indústrias, 31 postos de automotivos, 580 estabelecimentos comerciais, cinco unidades de cogeração e 8.676 unidades consumidoras no segmento residencial (prédios, residências e condomínios).

 

 

Compartilhe este texto com seus amigos:
 



  Gasodutos
  Cogeração
  GNC

Informa Group
FEIMEC - Feira Internacional de Máquinas e Equipamentos 2018

  CopyRight © GasNet - 2013