GasNet - O Site do Gás Natural e GNV    
Distribuição Produção Legislação Termelétricas GD - Geração Distribuída Novas Tecnologias Cursos & Eventos Instituições

Tenha o GasNet no seu celular

Disponível para iPhone na AppStore

Disponível para Android na GooglePlay

 
 
Seminário Internacional - Mobilidade a Gás Natural ...
(22/11/2018 - 23/11/2018)
Hotel Hilton Copacabana – Av. Atlântica 1020
Abegás/Gas Natural Fenosa
Evento 100% dedicado ao mercado de GNV
Objetivo:
Apresentar as soluções tecnológicas e os b ...

 
 
Asset Management, Operational Excellence Forum for ...
(29/11/2018 - 30/11/2018)
Bilderberg Garden Hotel, Amsterdam, Netherlands
Informa Exhibitions
"Maintenance for Oil and Gas Petrochemical Europe"
The Asset Management and Operational Excelle ...

 
 
Global Forum on Procurement and Supply Chain Manag ...
(24/1/2019 - 25/1/2019)
Amsterdam, Netherlands
Informa Exhibitions
Global Forum on Procurement and Supply Chain Management for the Oil and Gas Industry has encountere ...

 
 
Atena Engenharia Leia as histórias do Netinho (nosso mascote) Acesse a nossa seção e saiba tudo sobre GNV Leia as histórias do Netinho (nosso mascote)
  GD - Artigos
  Autor/Fonte: Agência CanalEnergia News Diária
  Data: 11/07/2018

    Usina de biogás de R$100 milhões será instalada no RS em 2019


Governo do RS e JMalucelli Ambiental assinaram protocolo de intenção para construção do empreendimento, que será destinado a produzir biogás, biometano, CO2, biofertilizantes e energia termoelétrica

A instalação de uma usina de biogás está saindo do papel para beneficiar a Região do Vale do Caí. O governo do RS e a empresa JMalucelli Ambiental assinaram em 03/07/2018, no Palácio Piratini, o protocolo de intenções para construção de uma unidade que irá receber cerca de R$ 100 milhões no município de Montenegro. A planta, que será erguida em 2019, prevê a geração de energia e gases combustíveis a partir de resíduos orgânicos de origem vegetal ou animal, oriundos das atividades agropecuárias.

Com previsão de início de operação para 2020, a usina será destinada a produzir biogás, biometano, CO2, biofertilizantes e energia termoelétrica. A construção acontecerá a cinco quilômetros do município, próxima ao Polo Petroquímico, utilizando materiais de menor impacto ambiental. A Central de Tratamento Integrado de Resíduos Orgânicos pretende gerar em média 35 mil metros cúbicos/dia de biometano; 40 toneladas/dia de CO2; 2 MWm de energia térmica e elétrica; e 4 mil toneladas/mês de biofertilizantes.

Para o governador José Ivo Sartori, é um grande desafio empregar novas tecnologias que preservem o meio ambiente e atendam ao Plano Estadual de Energia. O empreendimento traz uma nova potencialidade energética como estratégia econômica, a partir de uma energia ambientalmente correta, demonstrando atitude inovadora, destacou.

De acordo com o diretor da JMalucelli Ambiental, Eduardo Covas Barrionuevo, o Rio Grande do Sul é pioneiro na legislação ambiental para produção de biomassa: Apesar das 16 mil plantas que operam na Europa, a produção de biogás é recente no Brasil. Aqui no estado, vamos operar com produção em escala, com emprego tecnológico e sustentável, afirmou.

Participaram da solenidade os secretários de Minas e Energia, Susana Kakuta; de Planejamento, Governança e Gestão, Josué Barbosa; da Fazenda, Luiz Antônio Bins; do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Ana Pellini; e do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Evandro Fontana; além de representantes municipais e de entidades empresariais.

 

Fonte: CanalEnergia News Diária (04/07/2018)

Compartilhe este texto com seus amigos:
 



  Gasodutos
  Cogeração
  GNC

Informa Group
Banner Lilás

  CopyRight © GasNet - 2013