GasNet - O Site do Gás Natural e GNV    
Distribuição Produção Legislação Termelétricas GD - Geração Distribuída Novas Tecnologias Cursos & Eventos Instituições

Tenha o GasNet no seu celular

Disponível para iPhone na AppStore

Disponível para Android na GooglePlay

 
 
EXPOMAFE — Feira Internacional de Máquinas-Ferram ...
(7/5/2019 - 11/5/2019)
São Paulo Expo Exhibition & Convention Center, Rodovia dos Imigrantes Km 1,5
Informa Exhibitions/Abimaq


 
 
FLAME 2019
(13/5/2019 - 15/5/2019)
Hotel Okura, Amsterdam
Informa Exhibitions
The European meeting place for the global gas & LNG industry

 
 
10ª edição Brasil Offshore | "Brasil Offshore – A ...
(25/6/2019 - 28/6/2019)
Centro de Convenções Roberto Marinho, Macaé (RJ)
FGuaraná Comunicação Estratégica
Horário: terça a sexta-feira, das 14h às 21h

 
 
Atena Engenharia Leia as histórias do Netinho (nosso mascote) Acesse a nossa seção e saiba tudo sobre GNV Leia as histórias do Netinho (nosso mascote)
  Legislação - Express
  Autor/Fonte: Economia UOL/Estadão
  Data: 18/12/2018

    Temer assina decreto sobre programa Gás para Crescer


O presidente Michel Temer assinou nesta segunda-feira, 17/12/2018,  decreto que implementa propostas do programa Gás para Crescer que não precisam de mudanças legais. Segundo informações do Ministério de Minas e Energia (MME), o decreto regulamenta a Lei do Gás, aprovada em 2009.

Entre os objetivos do decreto, está o desenho de um novo mercado de gás natural e o aperfeiçoamento do marco legal do setor de transporte de gás para a entrada de novos agentes.

"O decreto permite a instituição de um sistema de transporte de gás natural, a fim de possibilitar sua operação de forma coordenada, e cria um novo sistema de contratação de transporte de gás, que deve aumentar a competição entre os agentes.

O decreto permite que a Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP) dê diretrizes para que os próprios agentes estabeleçam códigos comuns de acesso à infraestrutura, amparados nas boas práticas internacionais, visando maior eficiência.

Também caberá à ANP fixar critérios de autonomia e independência entre a atividade de transporte e demais atividades do setor, assegurando aos transportadores os direitos decorrentes dos contratos vigentes. O MME destacou que o decreto "confere maior dinâmica ao processo de expansão da malha de gasodutos".

O ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, defendeu a necessidade de expansão da rede de gasodutos no País. "Temos uma rede pequena e incapaz de atender todo o País. Mas essa rede não precisa de subsídios, mas sim que os investidores possam se organizar para poder empreender e investir", afirmou.

O MME não divulgou o conteúdo do decreto, mas Moreira Franco já havia sinalizado que gostaria de mudar o regime de exploração dos gasodutos de concessões para autorizações.

O ministro também havia se manifestado contra o Brasduto, um fundo que seria criado com recursos do Fundo Social do Pré-Sal para expandir os gasodutos com recursos subsidiados. Esse fundo foi incluído por meio de emendas em projetos de lei da Câmara e do Senado e retiraria R$ 18 bilhões da saúde e da educação.

 

 

Compartilhe este texto com seus amigos:
 



  Gasodutos
  Cogeração
  GNC

Informa Group
EXPOMAFE 2019

  CopyRight © GasNet - 2013