GD Agência CanalEnergia 12 setembro 2020

Engie comemora recordes de geração eólica em agosto

Complexo de Umburanas atingiu um fator de capacidade de 94% em 6 de agosto e 78,57% em 22 de agosto/2020

O mês de agosto de 2020 foi marcado pelo registro de recordes na geração de energia eólica no Nordeste do Brasil. No dia 6 de agosto, o sistema atingiu um fator de capacidade de aproximadamente 71,6%, produzindo cerca de 9.049 MW médios, o suficiente para abastecer 94% da demanda de energia elétrica de toda a região, segundo dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Já o pico de geração instantânea ocorreu em 22 de agosto com 10.169 MW e fator de capacidade de 81%.

Em nota à imprensa a Engie destacou que seus parques localizados no Ceará e na Bahia, que somam 899,3 MW de capacidade instalada tiveram participação.

No dia 6 de agosto produziu cerca de 754 MW médios, o que representou 8,3% de toda energia eólica gerada na região. O Complexo de Umburanas atingiu um fator de capacidade de 94% naquela data, informou. Já em 22 de agosto a produção ficou em 613,4 MW médios, o equivalente a 6,6% da geração eólica no Nordeste. A operação de Umburanas alcançou 78,57% de fator de capacidade.

O desempenho comemorado é atribuído à alta disponibilidade dos aerogeradores e do planejamento que aloca as paradas de manutenção preventiva para momentos com menor intensidade de vento, além de contar com sistemas de análise preditiva de falhas e boas práticas visando a excelência operacional. Além da equipe local, as usinas ainda contam com a supervisão durante 24 horas do Centro de Operação da Geração, localizado em Florianópolis/SC, na sede da empresa.

Na Bahia, dois parques eólicos se posicionaram no ranking operacional dos 10 projetos mais eficientes do Brasil no mês de maio, entre os 633 parques medidos para o período. Os parques Umburanas 6 e Umburanas 8 ocuparam a 2º e 4º posição do ranking, respectivamente. Os dados são da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), compilados e divulgado pelo portal ePowerBay, formando o Ranking Operacional Eólico.

Ao total a companhia possui 945,7 MW da fonte eólica em operação. E ainda, quando entrar em operação comercial, o Conjunto Eólico Campo Largo Fase 2, em implantação no interior da Bahia, nos municípios de Umburanas e Sento Sé, irá agregar 361,2MW, fazendo com que a Engie totalize mais de 1,3 GW de capacidade instalada.

 

Fonte: CanalEnergia News Diária (28/08/2020)

Compartilhe: