GasNet - O Site do Gás Natural e GNV    
Distribuição Produção Legislação Termelétricas GD - Geração Distribuída Novas Tecnologias Cursos & Eventos Instituições

Tenha o GasNet no seu celular

Disponível para iPhone na AppStore

Disponível para Android na GooglePlay

 
 
Rio Pipeline 2019
(3/9/2019 - 5/9/2019)
Ventro de Convenções Sul América, Cidade Nova, Rio de Janeiro - RJ
IBP - Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis
Horários:
Congresso: 9h às 18h30
Exposição: 12h às 20h

Idiomas:Português e Inglês

 
 
Atena Engenharia Leia as histórias do Netinho (nosso mascote) Acesse a nossa seção e saiba tudo sobre GNV Leia as histórias do Netinho (nosso mascote)
  Geral - Express
  Autor/Fonte: TN Petróleo/Reuters
  Data: 20/07/2019

    Ecopetrol recebe aval do governo para assumir fatia de 10% no bloco de Saturno na Bacia de Santos


 A petroleira colombiana Ecopetrol poderá assumir uma fatia de 10% no bloco de Saturno, licitado no final de 2019, após autorização do Ministério de Minas e Energia para operação em que Chevron e Shell cederam parte de suas fatias no ativo à companhia.

Segundo despacho da pasta de Minas e Energia no Diário Oficial da União desta quarta-feira, foi autorizada a cessão de 5% de participação da Shell e de 5% da Chevron para a Ecopetrol no contrato de partilha referente à área, após análise jurídica da transação.

O negócio fica condicionado apenas à substituição da garantia financeira do programa exploratório mínimo do bloco antes da assinatura do aditivo contratual.

O bloco de Saturno, no pré-sal da Bacia de Santos, foi originalmente arrematado pela anglo-holandesa Shell e a norte-americana Chevron em leilão da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) em setembro de 2018.

O consórcio entre as empresas, no qual cada uma detinha 50% antes da negociação com a Ecopetrol, tem a Shell como operadora.

O certame de 2018 que envolveu o bloco de Saturno ainda marcou a primeira vez em que a Ecopetrol ficou com áreas no pré-sal brasileiro sob regime de partilha. A empresa venceu junto com BP Energy e CNOOC a disputa pelo bloco de Pau Brasil na licitação.

 

 

 

Compartilhe este texto com seus amigos:
 



  Gasodutos
  Cogeração
  GNC

Informa Group

  CopyRight © GasNet - 2013